Você sabe usar a bolsa corretamente?

Basta fazer uma vistoria rápida na bolsa de uma para ter a certeza de que ela carrega de tudo! Mulheres são prevenidas e costumam levar consigo os mais diversos itens. Mas saiba que toda essa “prevenção” tem um preço.

O peso da bolsa sobre músculos, tendões, nervos e articulações pode causar dores e inflamações que, com o passar do tempo, podem trazer consequências. E na tentativa de equilibrar a carga, a pessoa acaba se curvando ou pendendo o corpo para um dos lados, tirando a coluna do eixo central em que ela deveria ficar posicionada.

Você pode se proteger dessas dores adotando algumas posturas simples no dia a dia:

No lugar correto

Use os ombros para carregar a bolsa, pois eles contam com um bom suporte muscular. Não dobre o braço para segurar a alça sobre o ombro, dessa forma você preserva os cotovelos e os punhos.

Minimize o seu esforço

Uma boa alternativa é carregar a sua bola na transversal – dessa maneira há uma melhor distribuição do peso. Caso prefira os modelos que são usados de um lado só, opte por aqueles com alças mais grossas e não tão longas.

Postura

Deixe a coluna reta, o queixo paralelo ao chão, os braços relaxados acompanhando o balanço do corpo. Outra dica é contrair os músculos do abdômen, já que ajuda a estabilizar a coluna.

Revezamento

A mania de carregar a bolsa no mesmo ombro sobrecarrega os músculos da região e pode causar dores e desvios de postura. Por isso, troque-a de lado várias vezes durante o trajeto.

Faça exercícios

Alongamento, yoga, pilates, pesos leves e outros tipos de exercício podem garantir que seus ombros fiquem fortes e tonificados. Outra sugestão é caminhar sem a bolsa durante o dia para restaurar a sua passada natural. Quando sair para o almoço, por exemplo, leve apenas o essencial e caminhe com os braços soltos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *